Livrada



Agora sem esse olho embaçado de choro
Eu vejo certo
Os antes de você tavam certos

O tantão de briga que eu comprei pra não deixar
Queimar o seu nome
E a noção passou longe

Olhando de fora pra dentro daquele relacionamento lixo
Eu me pergunto
Como é que eu amei isso?

Ainda bem que cê não voltou
Quando eu falei
Volta comigo

Ah que vergonha eu tenho
Do tapa na mesa, dos copos de pinga
Quando eu chorava e os cara ria

Ah que vergonha eu tenho
De quem em seguia e via eu postando textão
Te amo nas fotos do beijo de língua

Por um momento eu achei que eu morria
Mas cê foi a maior livrada da minha vida

Comentários